sábado, 26 de novembro de 2011

Calados

E por não mais saber o que dizer,
Os dedos se calam.
Assim como os olhos,
ouvidos
e coração.

5 comentários:

Zé Abrão disse...

e calados à força também

W. Cris ") disse...

Queria saber o que motivou esse post...pulguinha atras da orelha...

:)

Cleyton Cabral disse...

Na hora que a boca fica muda, os dedos falam pelos cotovelos.

Cleyton Cabral disse...

Mande-me seu e-mail: ccomunicador@gmail.com

Jullyer disse...

Interessante o Post (:
gostei.